NOTÍCIAS

14

Julho

O QUE LEVA UMA CRIANÇA AO TRABALHO INFANTIL E POR QUE COMBATÊ-LO?

Por Caroline Derschner Videira

Quando pensamos em trabalho infantil, ações localizadas que proíbam, fiscalizem ou regulem a presença de crianças e adolescentes em atividades de trabalho podem parecer suficientes para que a prática termine. No entanto, esta realidade é mais complexa do que parece.

“Imagine que você faz todo um trabalho de conscientização e enfrentamento ao trabalho infantil em uma escola e a escola participa das ações

14

Julho

EMPRESAS AMIGAS DA CRIANÇA DAS REGIÕES NORTE E CENTRO-OESTE SÃO RECONHECIDAS PELA FUNDAÇÃO ABRINQ POR AÇÕES DE RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA

Por June Hellen Sant’Ana Marques

Entre maio e junho, a Fundação Abrinq promoveu dois Encontros das Empresas Amigas da Criança: um na Região Norte (Belém) e outro na região Centro-Oeste (Campo Grande). 

Além de reconhecer as instituições privadas que são Empresas Amigas da Criança, os encontros debateram estratégias que incentivam a ampliação e qualificação d

14

Julho

FUNDAÇÃO ABRINQ APRESENTA OS DESAFIOS DA CAUSA DA INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA DURANTE SEMINÁRIO PREFEITOS CEARÁ 2017

Por Caroline Derschner Videira

Os municípios do estado do Ceará possuem alguns desafios comuns, como a questão da mobilidade, infraestrutura, águas residuais, gestão de lixo, habitação e energia. Para debater também as questões da infância e adolescência, a Fundação Abrinq participou do Seminário Prefeitos Ceará 2017.

Com o tema “Gestão Eficiente” o seminário foi organizado pela Aprece

14

Julho

FUNDAÇÃO ABRINQ VAI À BELÉM ACOMPANHAR AÇÕES DE RESPONSABILIDADE SOCIAL CORPORATIVA DAS EMPRESAS AMIGAS DA CRIANÇA

Por Caroline Derschner Videira

Em maio, o Programa Empresa Amiga da Criança, da Fundação Abrinq, foi até Belém, no Pará, para acompanhar de perto algumas ações sociais realizadas por Empresas Amigas da Criança (EACs) da região.

Foram realizadas reuniões com as EACs Uniodonto Belém Cooperativa de Assistência à Saúde e CEAI

14

Julho

FUNDAÇÃO ABRINQ PROMOVE REFLEXÃO SOBRE TRABALHO INFANTIL EM REGIÃO AGRÍCOLA

Por Caroline Derschner Videira

O Sul é região com a maior concentração de trabalho infantil proporcional ao número de crianças e adolescentes entre 5 e 17 anos. A Fundação Abrinq, que tem como bandeira o combate ao trabalho infantil, reuniu mais de 70 educadores das cidades agrícolas de Holambra (SP), Espumoso (RS) e Campos Novos (SC) para uma formação sobre o Trabalho Infantil e Direitos da Criança e do Adolescente.

Pesquisar

Newsletter

Cadastre seu e-mail abaixo e receba nossos boletins eletrônicos.



 

@FundacaoAbrinq