Rede Nossas Crianças

Entre tantas dificuldades, crianças, jovens e adultos ensinam que é possível sonhar com o futuro

Submitted by admin on 19/09/2017

Em uma comunidade de São Paulo bastante conhecida pela violência, encontramos Regina, 30 anos, dona de casa, diarista e mãe de cinco crianças. Ela, que mora em uma casinha muito simples beirando à linha do trem, compartilhou com a Fundação Abrinq que sonhar é um direito de todas as crianças, adolescentes e também de adultos!

Saiba como educadores podem incentivar crianças e jovens a atuar de forma mais participativa na sociedade

Submitted by admin on 15/09/2017

Incentivar a participação social de crianças e adolescentes por meio de práticas pedagógicas é o que busca o próximo Encontro Anual da Rede Nossas Crianças (RNC), organizações parceiras da Fundação Abrinq. Com o tema Protagonismo de Crianças e Adolescentes: Quando começa?, o evento é um convite aberto à sociedade sobre como mobilizar, articular, dialogar e praticar a  escuta qualificada de crianças e jovens, de forma a incentivar um maior protagonismo e participação dos mesmos na sociedade.

Marcia largou o emprego para ficar mais perto de suas filhas. Como juntos transformamos esta história?

Submitted by admin on 09/06/2017

Quem mora na Comunidade do Areião, no Jaguaré (São Paulo, SP) sabe o quanto é difícil manter as crianças e adolescentes longe das drogas e da criminalidade.

Marcia, mãe de Mariana (12) e Isabele (9), largou o emprego de diarista para poder ficar mais perto das filhas e não deixar que as meninas se contaminem com o ambiente, vulnerável e muito violento.