Notícias

Fundação Abrinq amplia apoio a organizações sociais e inicia reformas em unidades pelo Brasil

03/09/2020
Fundação Abrinq inicia reformas em organizações da Rede Nossas Crianças

O impacto da pandemia na captação de recurso e no apoio institucional a organizações sociais, resultou em consequências negativas às atividades desenvolvidas por elas que, muitas vezes, atuam de forma direta para atender comunidades em situação de vulnerabilidade social e afetadas pela Covid-19. Mesmo com dificuldade, algumas organizações trabalham, em meio ao cenário de crise econômica, distribuindo alimentos e/ou produtos de higiene para famílias que já eram atendidas, adaptando suas ações para a prevenção do coronavírus e desenvolvendo iniciativas que demandam apoio financeiro.

Para apoiar e evidenciar a importância dessas organizações, a Fundação Abrinq abriu um processo seletivo, no início do ano, para reformar e adequar os espaços das organizações da Rede Nossas Crianças, que faz parte do Programa Nossas Crianças. O objetivo é que, com as reformas, elas ofereçam um atendimento mais qualificado às crianças e aos adolescentes atendidos.

Nos meses de maio e junho, a Fundação realizou as avaliações das propostas de reforma de cada organização inscrita, por meio de visitas técnicas online, que identificaram espaços que necessitavam de readequações urgentes para a melhoria do atendimento. Com a escolha das 12 organizações foram realizados os repasses dos recursos para a execução dos reparos.   

“Aprimorar a infraestrutura dos espaços físicos das organizações e escolas, com reformas e readequações, é uma das nossas prioridades. Nosso objetivo é fortalecer o bem-estar das crianças e dos adolescentes em espaços seguros”, declara Victor Graça, gerente executivo da Fundação Abrinq. 

As obras de 10 organizações deverão ser finalizadas até o fim de outubro e, em novembro, ocorrerá a inauguração dos espaços reformados. A inauguração das outras duas organizações está prevista para fevereiro de 2021. Ao total, 5.363 crianças e adolescentes serão beneficiados com as mudanças nos locais.  

Confira as fotos das organizações e dos espaços que serão reformados: 

Associação Recreativa de Solonópole – ARS em Solonópole (CE)

A reforma será feita no auditório, com a troca do piso de cimento liso por cerâmica e do banheiro coletivo anexo ao auditório, onde será instalado um novo sanitário e montado novos sistemas hidráulicos e elétricos, além da adaptação na acessibilidade.

O espaço do auditório, que é utilizado para um público grande constantemente, está gasto, com muitas rachaduras no piso. O banheiro não está em condições de uso. A instituição atende 346 crianças e adolescentes, de 1 a 17 anos e 11 meses.

Associação Recreativa de Solonópole – ARS em Solonópole (CE)

Escola Profissionalizante Tenente Oswaldo Machado – EPTOM em Ipatinga (MG)

A reforma envolverá a reconstrução do muro ao redor da escola, construção de uma cozinha na área de convivência e adequação do espaço externo, que se transformará em uma área de convivência para os adolescentes atendidos. Por conta das fortes chuvas e do desgaste do tempo, o muro do prédio cedeu e está prestes a desabar. Os demais espaços necessitam de reparos para qualificar o serviço ofertado. 

A instituição atende 190 adolescentes, de 14 a 17 anos e 11 meses.

Escola Profissionalizante Tenente Oswaldo Machado – EPTOM em Ipatinga (MG)

Sociedade de Assistência à Criança – SOAF em Milagres (CE)

A reforma promoverá a adequação das rampas e escadarias de acesso às salas e aos ambientes da organização e de um banheiro social garantindo acessibilidade para o público que frequenta o local, em especial, às pessoas com deficiência, mobilidade reduzida, idosos e gestantes. A organização fica em um prédio doado, construído por meio de mutirões comunitários e, portanto, distante das diretrizes estabelecidas pelo Plano Nacional da Promoção da Acessibilidade.

A instituição atende 1.562 crianças e adolescentes, de 6 a 17 anos e 11 meses. 

Sociedade de Assistência à Criança – SOAF em Milagres (CE)

Associação do Bem-Estar Social do Ceará – ABEMCE em Fortaleza (CE)

A partir da reforma será construído o piso da quadra esportiva com compactação mecânica, concretagem, construção do piso industrial, polimento, pintura e demarcação da quadra com tinta acrílica. 

A organização enfrenta muitas dificuldades, pois a quadra é de areia, o que impede a realização de algumas modalidades esportivas, além de provocar constantes casos de fungos e micoses nos usuários do espaço, que geralmente vão com chinelo para a associação.

A instituição atende 726 crianças e adolescentes, de 6 a 17 anos e 11 meses. 

Associação do Bem-Estar Social do Ceará – ABEMCE em Fortaleza (CE)

Instituto Lenon Joel pela Paz em São Leopoldo (RS)

Com a reforma, será feita a troca dos pisos e paredes de madeira de três salas de atividades, por paredes de alvenaria. O objetivo da obra é qualificar e ampliar o espaço físico para aprimoramento dos atendimentos ofertados.

A instituição atende 174 crianças e adolescentes, de 10 a 17 anos e 11 meses.

Instituto Lenon Joel pela Paz em São Leopoldo (RS)

Associação Padre Enzo em Tamandaré (PE)

A reforma se dará com a construção de um aramado ao redor da quadra e adequação e revitalização do gramado. No local, existe a necessidade de criação de um novo espaço destinado para o lazer e esporte, para possibilitar um ambiente adequado e atrativo para as crianças e os adolescentes na prática esportiva e interação social.

A instituição atende 397 crianças e adolescentes, de 1 a 17 anos e 11 meses.

Associação Padre Enzo em Tamandaré (PE)

Escola de Desenvolvimento e Integração Social para Criança e Adolescente em Fortaleza (CE)

A partir da reforma, será realizada a troca e instalação de calhas laterais da caixa cênica do teatro, distribuição da queda d'água e instalação de novos canos para vasão de água. Por causa da antiguidade e da ferrugem nas calhas da escola, o telhado não suporta o volume de água na quadra, em períodos de chuva, fazendo com que surjam vazamentos dentro da organização.

A instituição atende 268 crianças e adolescentes, de 6 a 17 anos e 11 meses.

Escola de Desenvolvimento e Integração Social para Criança e Adolescente em Fortaleza (CE)

Espaço Progredir em Nova Iguaçu (RJ)

Com a reforma, será realizada a adaptação do lavabo em bancada, bicas de fechamento automático e pintura dos muros, das grades, da fachada e paredes externas. A intenção da obra é qualificar o espaço físico para aprimoramento dos atendimentos ofertados.

A instituição atende 176 crianças e adolescentes, de 10 a 17 anos e 11 meses.

Espaço Progredir em Nova Iguaçu (RJ)

Coletivo Mulher Vida em Olinda (PE)

A reforma adicionará cerâmica nos pisos dos dois pátios ao ar livre, construirá um palco com painel, banco de concreto e jardineiras, instalará um corrimão para acessibilidade na entrada e revitalizará o piso e reboco do corredor que une os pátios. O intuito da obra é revitalizar as áreas externas para acomodar melhor as atividades e eventos realizados ao ar livre na organização.

A instituição atende 325 crianças e adolescentes, de 6 a 17 anos e 11 meses.

Coletivo Mulher Vida em Olinda (PE)

Pastoral do Menor da Paróquia Nossa Senhora das Graças em Vitória da Conquista (BA)

A reforma será feita no piso da quadra poliesportiva e promoverá o aumento do muro lateral da quadra. Por conta do desgaste e do uso frequente da quadra, o piso possui alguns buracos, o que pode ocasionar acidentes e ferimentos às crianças e aos adolescentes. O aumento do muro é necessário para que a água da chuva não entre no local das atividades, o que também pode resultar em acidentes. 

Diante da proposta apresentada, com uma nova quadra, será possível proporcionar qualidade nos serviços ofertados às crianças e aos adolescentes, considerando que é um espaço utilizado diariamente para a prática de oficinas diversas. 

A instituição atende 135 crianças e adolescentes, de 6 a 17 anos e 11 meses. 

Pastoral do Menor da Paróquia Nossa Senhora das Graças em Vitória da Conquista (BA)

Associação Minasnovense de Promoção ao Lavrador e a Infância da Área Rural – AMPLIAR em Minas Novas (MG)

Com a reforma serão feitas a adequação do espaço, com uma cobertura na área de lazer, melhoria do piso, troca de vasos sanitários, pintura das salas e a troca dos forros da cozinha e do aramado no muro da área de lazer. A organização pretende utilizar o espaço que está abandonado para atender as famílias e promover eventos e encontros comunitários. Ao todo, 534 crianças e adolescentes, de 3 a 17 anos e 11 meses, que são atendidos no local, serão beneficiados com a reforma. 

Associação Minasnovense de Promoção ao Lavrador e a Infância da Área Rural

Grupo Criança em Busca de uma Nova Vida – GCRIVA em Vespasiano (MG)

Serão reformados os vestiários e o banheiro infantil do local e ampliadas a recepção e a sala dos professores. Ao todo, 580 crianças e adolescentes, de 1 ano a 17 anos e 11 meses, serão beneficiados com as mudanças na organização. 

Grupo Criança em Busca de uma Nova Vida – GCRIVA

Acompanhe a Fundação Abrinq nas redes sociais